Sobre a tembici

Ciclovias em Porto Alegre: onde pedalar na cidade

Atualizado em 21 fev. 2022 Ciclovias Por: Redação Bike Itaú Leitura: 5 min.

Muitas cidades têm áreas destinadas aos ciclistas, mas nem todas as pessoas sabem por onde começar a pedalar. Então, se você mora na região ou está planejando uma viagem para o sul do Brasil, preparamos dicas de ciclovias em Porto Alegre, ótimas para pedalar e aproveitar os passeios locais. 
Andar de bicicleta pelas ruas e pelas avenidas da cidade é uma boa opção para colocar o corpo em movimento, sair da rotina, ter bons momentos de lazer e distração, enquanto admira a paisagem para chegar ao seu destino. 

Malha cicloviária em Porto Alegre

Atualmente, a malha cicloviária de Porto Alegre está passando por um processo de ampliação em que a expectativa é chegar a 76,9 quilômetros em 2022. Com isso, os ciclistas terão ainda mais segurança e conforto ao pedalar pela cidade.
Em 2021, o projeto de expansão entregou novas estruturas na Av. Sertório, Av. Edvaldo Pereira Paiva, Av. Divisa e outros pontos movimentados, melhorando o tráfego de ciclistas e ampliando a malha existente. 
As obras do projeto de ciclovias em Porto Alegre também contam com sinalização, rampas de acessibilidade e travessias para aumentar a segurança de quem precisa andar de bike não apenas para lazer, mas como forma de trabalho ou meio de transporte cotidiano. 

Importância das ciclovias

A iniciativa de implantação de ciclovias na região gaúcha faz parte das ações do MobiliPOA, o Plano de Mobilidade Urbana de Porto Alegre. Esse programa é responsável por investimentos em obras e diálogos com a sociedade para melhorar a utilização dos diferentes meios de transporte. 
Com as obras realizadas, a mobilidade urbana é beneficiada, enquanto a circulação dos cidadãos é facilitada, visto que cada um pode utilizar mais de um transporte durante o dia e ter boas condições de uso. Afinal, quanto mais incentivo, mais pessoas podem aderir aos meios alternativos. 

Por onde pedalar?

Para andar de bicicleta nas ciclovias em Porto Alegre, indicamos conferir um mapa antes de sair de casa e mantê-lo ao seu lado durante os passeios. Assim, se for preciso, você pode mudar o caminho durante o percurso sem se perder. Caso isso aconteça, você vai saber se localizar. A seguir, confira nossas dicas de destinos para pedalar!

Orla do Guaíba

Quer ver o pôr do sol em um lugar com bastante espaço tanto para quem está pedalando quanto para quem está caminhando? Então, a Orla do Guaíba é um ponto que não pode faltar no seu trajeto. 
O melhor período para andar de bicicleta na Orla é de manhã. O local costuma estar mais vazio e ter menos pedestres, já que é mais movimentado em outros horários por ser um ponto turístico (com praças, espaços de arte e quadras esportivas). 
grupo de ciclistas andando de bicicleta.

Centro 

Se você precisa chegar ao centro da cidade, não se preocupe, pois existem vários trechos de ciclovias pela região. As Avenidas Goethe, Aureliano de Figueiredo Pinto e Ipiranga são as principais, garantindo que os estudantes possam optar pelo transporte alternativo para chegar à PUC-RS.
Mais do que isso, algumas indicações turísticas também podem ser acessadas por essas ciclovias e pelas proximidades, como a Ponte da Azenha. O local histórico, na esquina da Avenida da Azenha com a Avenida Ipiranga, foi palco do primeiro combate da Revolução Farroupilha em 1835.

Ipanema

Esta é uma das ciclovias em Porto Alegre mais frequentadas. Originalmente chamada de Ciclovia Ayrton Senna da Silva, fica ao lado do calçadão da praia de Ipanema. 
Ela é ideal para se desligar da rotina e aproveitar o ar fresco, enquanto anda de bicicleta com a vista do mar. A dica é fazer uma parada para tomar chimarrão nos estabelecimentos da região.

Restinga

A ciclovia do bairro Restinga, na Zona Sul, é uma das maiores da cidade, com 4,6 km de extensão. Quem precisa passar pelas avenidas Economista Nilo Wulff, Antônio da Silveira e Ignês e Fagundes pode se beneficiar pelo longo trajeto garantido para as bikes. 
Existem outras rotas que podem ser percorridas pela cidade, desde aquelas com paisagem urbana até as com vista para o Guaíba. Basta ter uma bicicleta confortável, um mapa em mãos e estar pronto para conhecer novos lugares!

Aluguel de bike em Porto Alegre

Se você está pensando em pedalar em Porto Alegre, que tal conhecer um sistema de aluguel de bicicletas compartilhadas? O Bike Itaú é uma opção para quem quer economizar, apostar no transporte alternativo e ter mais autonomia. 
O melhor é que o sistema não está presente somente nessa cidade, sendo utilizado em São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Salvador e Santiago. Então, aproveite para conferir e começar a utilizá-lo.

Bike Itaú

Para ter experiências únicas e pedalar de bicicleta com a Bike Itaú, é preciso fazer o download do aplicativo disponível na App Store e no Google Play. Depois, é só selecionar a cidade desejada para conhecer as opções de planos — diário, mensal e anual em Porto Alegre. 
Ainda no aplicativo, você poderá consultar as localizações das estações próximas para saber onde retirar e devolver as bicicletas. Assim, você monta seu próprio itinerário, mesclando outros tipos de transporte para manter conforto, praticidade e economia. 

Veja mais conteúdos sobre esse assunto

Agora que você conhece algumas ciclovias em Porto Alegre, já pode começar a aproveitar as paisagens da cidade e pedalar para sair da rotina. Se você gostou do assunto, confira mais conteúdos semelhantes aqui, em nosso blog!
Caso tenha alguma dúvida sobre Bike Itaú, não deixe de passar no site para ter acesso a mais informações e saber qual é o melhor plano de assinatura de aluguel de bicicleta.